6 passos para viajar com segurança na pandemia

viajar-com-seguranca-insider

A pandemia ainda não acabou, mas diversos setores estão em um processo de retomada segura, como o turismo. Atualmente, é possível viajar com segurança, mas isso exige um bom planejamento, além de cuidados redobrados durante todo o processo.

Com a quarentena prolongada e depois de meses dentro de casa, muitos estão buscando outros lugares para fazer o isolamento. Sabendo disso, a Insider criou um passo a passo para orientar aqueles que precisam viajar durante esse período, para que o deslocamento seja feito com segurança.

1. Mantenha as medidas de higiene

Antes de falar sobre escolha do destino e formas de locomoção, é necessário reforçar a importância das medidas de higiene nesse período. Por isso, leve uma quantidade considerável de álcool 70, tanto na versão em gel quanto líquida.

Além disso, lembre-se de lavar as mãos com frequência e não levá-las ao rosto. A máscara antiviral oferece proteção contra a contaminação direta e cruzada, portanto, não esqueça de levar uma quantidade suficiente do acessório. Vale lembrar que os protocolos de higiene devem ser mantidos durante o trajeto e a estadia.

2. Dê preferência ao turismo de isolamento

viajar-com-seguranca

Muitos questionam se já é o momento de sair de casa, e recomenda-se que as pessoas evitem sair se não for necessário. No entanto, quem opta por viajar na pandemia normalmente está buscando mudar de ambiente e renovar os ares, e não um destino para visitar pontos turísticos e circular pela cidade.

Nesse sentido, viajar com segurança não é uma tarefa difícil, uma vez o objetivo da maioria dos turistas é manter-se isolado em chalés ou pousadas. Assim, é possível descansar e mudar o ambiente do home office, escolhendo um destino em meio à natureza, por exemplo.

3. Escolha o destino com atenção

Uma das etapas principais do planejamento é a escolha do destino, agora mais do que nunca. Isso porque diversos fatores precisam ser analisados, como a oferta de hospedagem, os protocolos de segurança e como o destino está lidando com o processo de retomada.

Quem decidiu ir para a praia, por exemplo, precisa de cuidado redobrado, principalmente aos finais de semana, quando mais brasileiros se deslocam para o litoral. Por isso, opções no interior e na Serra podem ser mais interessantes para manter distanciamento social.

4. Verifique os protocolos de segurança do hotel

Junto à escolha do destino, é necessário analisar os protocolos de segurança que estão sendo adotados nas hospedagens. O Selo Turismo Sustentável — Limpo e Seguro foi criado pelo Ministério do Turismo, e o seu objetivo é orientar esse momento de reabertura. então, busque saber se o hotel possui o selo.

Os impactos nesse setor foram grandes e, por isso, os destinos estão levando os protocolos de segurança a sério para se adaptar à nova realidade. Muitos hóteis suspenderam a limpeza diária dos quartos para diminuir a circulação de pessoas, e as refeições deixaram de ser servidas no formato buffet, por exemplo.

5. Analise o meio de transporte

Outro ponto importante para viajar com segurança durante o período de crise sanitária é a escolha do meio de transporte. No cenário atual, dê preferência às opções com menor número de passageiros, como o carro. Lembre-se de higienizar o volante e manter uma boa circulação do ar.

Se não for possível fazer o trajeto de carro, opte pelo avião. Entretanto, confira quais protocolos estão sendo adotados pela companhia aérea e veja se é possível manter o distanciamento dentro da aeronave. No aeroporto, evite situações com aglomeração de pessoas e opte pelo check-in on-line para evitar filas.

6. Faça uma mala adequada

Se for necessário se deslocar nesse período, a mala deve ser feita com atenção, para que nenhum item essencial seja esquecido e seja possível viajar com segurança. A máscara de proteção, por exemplo, será necessária no momento de utilizar as áreas comuns do hotel.

Além disso, caso você tenha optado pelo turismo de isolamento, lembre-se de levar roupas confortáveis e funcionais. A t-shirt antiviral, por exemplo, é uma peça curinga: ela é capaz de neutralizar o novo coronavírus, é muito confortável e não amassa na mala.